O PRINCÍPIO DO TAMBÉM

Olá meninas! Estou com pouco tempo para escrever no blog, mas sempre quando estou de folga corro para cá, e entre tantos temas que eu venho pedindo ao Senhor, lembrei-me de um! Aprendi sobre o Princípio do Também a uns três anos atrás, assistindo a um Congresso de Mulheres pela internet, e uma das preletoras do Congresso, Devi Titus, em sua palestra ensinou sobre três princípios e um deles era este. Foi algo muito desafiador e transformador na minha vida, um tanto difícil, mas não está sendo impossível de colocar em prática. Como foi algo que trouxe excelentes mudanças de atitudes e comportamento para mim, gostaria de compartilhar com vocês. Eu gostei tanto que comprei o livro dela, A Experiência do Lar, onde fala sobre o tema. O princípio do também é definido pela atitude voluntária de fazer mais do que é pedido a você. Essa atitude nos permite estarmos mais sensíveis as necessidade dos outros e a estar disposta a andar a segunda milha (Mateus 5,41).

Este princípio é demonstrado várias vezes na bíblia, mas a história relatada no livro de Gênesis 24, 10-26, faz com que a gente entenda direitinho! Abraão, antes de morrer, pede que seu servo jure que irá buscar uma mulher, na sua terra natal, para que se case com seu filho Isaque. Abraão queria uma mulher que tivesse o caráter e os valores que faziam parte da criação de sua família, porque no local em que eles estavam morando não havia esses valores no meio daquele povo. Abraão precisava garantir que a esposa de seu filho seria a companheira perfeita para administrar sua herança. A herança que Abraão queria passar para a sua linhagem incluía:

  • Provisão
  • Prosperidade
  • Obediência
  • Intimidade com Deus

E servo orou a Deus e Deus colocou  em seu caminho Rebeca, uma moça com o caráter, valores e qualidades que Abraão pediu. O servo quando encontrou com ela, pediu água e Rebeca além de servi-lo imediatamente ainda ofereceu água aos seus 10 camelos. Meninas, realmente não seria qualquer mulher que iria tirar cerca de 200 litros de água para 10 camelos não é verdade? Acho que eu não faria isso, iria dizer se quiser pode pegar água para seus camelos. Muitas de nós não fomos educadas para servir, pelo contrário, exemplo: ___ Me dá um pedaço de bolo, ou pega um café pra mim? ___  Eu não, pega você, sua mão vai cair por acaso? Tenho certeza que você já ouviu uma resposta dessas por aí. Rebeca ainda o hospedou na casa de sua família!

Veja como foi o encontro do servo de Abraão com Rebeca:
E o servo tomou dez camelos, dos camelos do seu senhor, e partiu, pois que todos os bens de seu senhor estavam em sua mão, e levantou-se e partiu para Mesopotâmia, para a cidade de Naor.
E fez ajoelhar os camelos fora da cidade, junto a um poço de água, pela tarde, ao tempo que as moças saíam a tirar água.
E disse: Ó Senhor, Deus de meu senhor Abraão, dá-me hoje bom encontro, e faze beneficência ao meu senhor Abraão!
Eis que eu estou em pé junto à fonte de água e as filhas dos homens desta cidade saem para tirar água;
Seja, pois, que a donzela, a quem eu disser: Abaixa agora o teu cântaro para que eu beba; e ela disser: Bebe, e também darei de beber aos teus camelos; esta seja a quem designaste ao teu servo Isaque, e que eu conheça nisso que usaste de benevolência com meu senhor.
E sucedeu que, antes que ele acabasse de falar, eis que Rebeca, que havia nascido a Betuel, filho de Milca, mulher de Naor, irmão de Abraão, saía com o seu cântaro sobre o seu ombro.
E a donzela era mui formosa à vista, virgem, a quem homem não havia conhecido; e desceu à fonte, e encheu o seu cântaro e subiu.
Então o servo correu-lhe ao encontro, e disse: Peço-te, deixa-me beber um pouco de água do teu cântaro.
E ela disse: Bebe, meu senhor. E apressou-se e abaixou o seu cântaro sobre a sua mão e deu-lhe de beber.
E, acabando ela de lhe dar de beber, disse: Tirarei também água para os teus camelos, até que acabem de beber.
E apressou-se, e despejou o seu cântaro no bebedouro, e correu outra vez ao poço para tirar água, e tirou para todos os seus camelos.
E o homem estava admirado de vê-la, calando-se, para saber se o Senhor havia prosperado a sua jornada ou não.
E aconteceu que, acabando os camelos de beber, tomou o homem um pendente de ouro de meio siclo de peso, e duas pulseiras para as suas mãos, do peso de dez siclos de ouro;
E disse: De quem és filha? Faze-mo saber, peço-te. Há também em casa de teu pai lugar para nós pousarmos?
E ela lhe disse: Eu sou a filha de Betuel, filho de Milca, o qual ela deu a Naor.
Disse-lhe mais: Também temos palha e muito pasto, e lugar para passar a noite.
Então inclinou-se aquele homem e adorou ao Senhor,
E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de meu senhor Abraão, que não retirou a sua benevolência e a sua verdade de meu senhor; quanto a mim, o SENHOR me guiou no caminho à casa dos irmãos de meu senhor.

Traços do caráter de Rebeca:

  • Responsável
  • Prestativa
  • Diligente
  • Cortês
  • Caridosa com desconhecidos
  • Disposta a dividir
  • Hospitaleira
  • Terminava o que começava
  • Submissa a autoridade de sua família (lembrando que Rebeca era solteira)

Sabe minhas irmãs, são coisas que passam despercebidas para nós, achamos que tudo está normal, é assim mesmo. Nos acostumamos com frases do tipo:  “Ah assim já está bom!” ou  “Isso já serve!” ou ainda “Isso não é minha responsabilidade!” dizemos isso com frequência. A personalidade e o caráter daquela família, a de Rebeca e Abraão, era a de fazer sempre além do que lhes era pedido, ele olhavam além do urgente, além do que era necessário, o caráter daquela família era de servos. Eles não eram preguiçosos, centrados em si mesmos, eram trabalhadores, olhavam além de si mesmos e eram hospitaleiros.

Devi nos dá alguns exemplos para colocarmos em prática no nosso dia a dia:

  • Ao usarmos o banheiro, seja o da nossa casa ou um banheiro público, deixo-o limpo para a próxima pessoa que irá usar, dê descarga, limpe o assento se ficou sujo e abaixe a tampa TAMBÉM;
  • Tome banho e tire o cabelo do ralo TAMBÉM;
  • Quando preparar a mesa, enfeite com flores TAMBÉM;
  • Quando tirar a roupa, pendure-a TAMBÉM;
  • Quando lavar e secar suas roupas, dobre-as TAMBÉM;
  • Guarde suas coisas e tire a poeira TAMBÉM;
  • Quando lavar os pratos, varra o chão TAMBÉM;
  • Lidere uma conversa, tome a iniciativa, que o seu falar seja agradável e temperado com sal o que significa dar honra e favor à pessoa com a qual você está conversando.

Essas, são pequenas maneiras de você servir aos outros, sua família, seus amigos, e até desconhecidos.

Em Colossenses 3, 23 Paulo diz assim: “E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens.” Rebeca foi escolhida por causa de seu caráter e sua personalidade serva e recebeu por herança todas as bençãos que Deus deu a Abraão. Sei que não é fácil, e não é mesmo, mas se começarmos pelas pequenas coisas a gente consegue e daqui a pouco estaremos fazendo grandes coisas.

São exemplos que serão observados por aqueles que estão ao seu redor, é uma grande lição e herança que você pode deixar para seus filhos, e que será passado para as suas próximas gerações. Gentileza gera gentileza já dizia o poeta! É como a lei da semeadura, o que você plantar, será o que você vai colher.

Em Mateus 5, 38-48 encontramos esse principio:

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: “Tendes ouvido o que foi dito: ‘Olho por olho, dente por dente’. Eu, porém, vos digo: não resistais ao mau. Se alguém te ferir a face direita, oferece-lhe TAMBÉM a outra. Se alguém te citar em justiça para tirar-te a túnica, cede-lhe TAMBÉM a capa. Se alguém vem obrigar-te a andar mil passos com ele, anda dois mil. Dá a quem te pede e não te desvies daquele que te quer pedir emprestado. Tendes ouvido o que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo’. Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos perseguem. Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos. Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos? Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos? Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito”.

Precisamos confrontar os nossos obstáculos, muitas vezes a preguiça e procrastinação atrapalham o nosso dia a dia e nos impede de sermos mulheres gentis, prestativas, dispostas, diligentes, caridosas e eficientes . Mas eu você somos abençoadas e somos herdeiras também das bençãos de Abraão. Essa benção é para você e para toda a sua família!

Que o bom Deus nos ajude, a sermos mulheres com esses princípios!

Com amor,

Priscila.

*Trechos tirados do livro A Experiência do Lar, de Devi Titus.

 

3 comentários sobre “O PRINCÍPIO DO TAMBÉM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s